Leonel Pontes quer explorar fraquezas defensivas do futebol holandês

O técnico garantiu que uma das primeiras decisões tomadas foi inscrever o jovem avançado Pedro Mendes na Liga Europa.

Pontes no jogo frente ao Boavista.
Foto
Pontes no jogo frente ao Boavista. LUSA/FERNANDO VELUDO

Leonel Pontes, treinador do Sporting, apontou as debilidades defensivas habituais nas equipas holandesas como ponto a explorar nesta quinta-feira, na Liga Europa, frente ao PSV.

Na antevisão do jogo, o técnico, que sucedeu ao holandês Marcel Keizer, considerou que o PSV “tem algumas debilidades defensivas”, o que é “um pouco característico do futebol holandês”, e que o Sporting tentará surpreender “e equilibrar as forças dentro daquilo que são as diferenças entre uma equipa que fez 15 golos e sofreu um [PSV], contra uma equipa que fez oito e sofreu seis [Sporting]”.

Pontes admitiu que o momento do Sporting não é tão bom quanto o do seu adversário, líder do campeonato holandês em igualdade pontual com o Ajax, mas disse esperar que a consiga escrever “uma história diferente”. “Quinta-feira é uma história diferente, um novo jogo, imprevisível, sabendo de antemão que vamos encontrar uma equipa com grande qualidade colectiva e com um poder ofensivo muito grande”, disse.

Questionado sobre a chamada do jovem avançado Pedro Mendes, Leonel Pontes, que o orientou na equipa de sub-23 até ser chamado a suceder a Marcel Keizer na equipa sénior, garantiu que “uma das primeiras decisões tomadas foi inscrevê-lo na Liga Europa”.

Admitindo que “não é o melhor contexto” para a estreia do jogador, disse que, “tendo em conta as características e rendimento”, entendeu dar-lhe esta oportunidade, que poderá vir a ser estendida a outros jovens.

PSV e Sporting defrontam-se na quinta-feira (17h55), em jogo da primeira jornada do grupo D da Liga Europa de futebol, no Philips Stadion, em Eindhoven.