Costa e Rui vistos por 2,7 milhões, menos 600 mil do que o duelo com Passos em 2015

Debates de Costa com os outros partidos além do PSD foram mais vistos que os de Rio. Já só falta um debate na TV entre todos os líderes dos partidos com assento parlamentar, no dia 23; e na rádio no dia 18. Costa e Rio voltam a enfrentar-se na rádio também a 23.

Foto
Pedro Nunes

O duelo entre António Costa e Rui Rio foi seguido na noite de segunda-feira por 2,67 milhões de espectadores na RTP1, SIC e TVI. A que se somam 81 mil espectadores que viram o debate na SIC Notícias (62 mil) e na RTP3 (29 mil). Valores bem longe dos 3.302.244 de pessoas que em 2015 viram o debate entre António Costa e Pedro Passos Coelho no conjunto da RTP1, SIC e TVI.

De acordo com os dados da GfK analisados pela Marktest/Mediamonitor, o share acumulado dos três canais de sinal aberto e dos dois do cabo foi de 57,6%, o que significa que quase duas em cada três pessoas que estavam a ver televisão durante o período que durou o debate, entre as 20h32 e as 21h46, tinham o televisor sintonizado no duelo entre os dois políticos.

Entre os três canais de sinal aberto, quem ganhou foi a SIC, ou seja, foi através do canal da Impresa que mais gente assistiu ao debate: 1,066 milhões de espectadores, a que se somam 829 mil pela TVI e 774 mil que viram na RTP1.

Olhando para os números de espectadores dos restantes onze debates, pelo menos na corrida das audiências António Costa já ganhou a Rui Rio. E fê-lo praticamente pela mesma diferença de espectadores entre o debate dos dois e o de Costa e Passos, cerca de 600 mil espectadores.

Os debates em que o secretário-geral do PS participou com os líderes dos restantes partidos (sem contar com o PSD) foram seguidos por um total de 3,72 milhões de pessoas, enquanto os que opuseram Rui Rio e os líderes dos restantes partidos tiveram 3,16 milhões de espectadores.

Os doze debates tiveram um total acumulado de quase 10 milhões de espectadores. Sem contar com o duelo Costa/Rio, que teve um formato especial (inaugurado em 2015 por Costa e Passos) de transmissão simultânea e pivots das três televisões, o debate mais visto foi o primeiro, que opôs Costa e Jerónimo de Sousa, na SIC – foi seguido do início ao fim por uma média de quase um milhão e cem mil pessoas. O menos visto foi o de Assunção Cristas e Catarina Martins, seguido por 64 mil pessoas na RTP3 (canal que já está também acessível a toda a população através da TDT).