Fogo em Valongo já está dominado

O vento dificultou as operações de combate, mas “não há informação de vítimas nem de habitações afectadas pelas chamas”.

,Incêndios
Foto
Paulo Pimenta/arquivo

O incêndio que deflagrou esta terça-feira em Alfena, concelho de Valongo, já foi dado como dominado, disse à Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) do Porto.

“O incêndio foi dado como dominado cerca das 22h00. Não temos informação de vítimas nem de habitações afectadas pelas chamas”, disse à Lusa fonte do CDOS do Porto.

O fogo obrigou ao corte da Autoestrada 41 (A41) no sentido Porto-Penafiel, ao quilómetro 22, em Alfena, nos dois sentidos, durante várias horas, mas a situação já está resolvida, segundo a GNR.

“A A41 já está a circular normalmente, desde as 19h58, em ambos os sentidos”, disse à Lusa fonte da GNR, informação que também foi confirmada pelo CDOS do Porto.

Apesar de o incêndio já estar dominado, permanecem no local 220 operacionais, apoiados por 60 viaturas, segundo a página na Internet da Autoridade Nacional de Emergência e Protecção Civil. O alerta para o incêndio em Alfena, no concelho de Valongo, foi dado às 12h27.

O alerta especial vermelho de agravamento do risco de incêndio florestal que vigora em vários distritos vai terminar às 23h59 desta terça-feira, passando todo o continente a estar em alerta laranja, devido à diminuição das temperaturas até quinta-feira.

O anúncio foi feito esta terça-feira pelo ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, numa conferência de imprensa que decorreu nas instalações da protecção civil, em Carnaxide, distrito de Lisboa, ressalvando contudo que pode ser novamente decretado um novo alerta vermelho se as condições se agravarem a partir de quinta-feira.