Detido homem suspeito de matar freira em São João da Madeira

A mulher de 61 anos terá sido morta durante a manhã de domingo, em São João da Madeira, depois de se ter recusado a ter relações sexuais com o suspeito.

Suspeito
Foto
Fábio Augusto/arquivo

A Polícia Judiciária deteve um toxicodependente pelo homicídio de uma freira de 61 anos, em São João da Madeira, distrito de Aveiro, anunciou esta segunda-feira aquela força policial.

O crime ocorreu durante a manhã de domingo, em São João da Madeira, e o homem foi detido mais tarde “fora de flagrante delito”.

Segundo a PJ, o detido, após ter conseguido atrair a vítima até ao interior da sua habitação para lhe oferecer um café, por esta o ter transportado na sua viatura até ali, terá tentado ter com ela relações sexuais, o que foi recusado.

“Perseguindo a sua intenção, o detido recorreu à força física aplicando, ao que tudo indica, um golpe de estrangulamento denominado ‘mata-leão’, que terá sido a causa da morte, e posteriormente deitou-a sobre a cama e terá mantido relações sexuais”, descreve a polícia.

O detido, desempregado, com 44 anos, está referenciado como toxicodependente e possui antecedentes criminais pela prática de crimes de tráfico de estupefacientes, violação e sequestro.

De acordo com o comunicado policial, o detido vai ser presente ao juiz de instrução para primeiro interrogatório judicial e aplicação das medidas de coação.

Sugerir correcção