Treetop, o passadiço de Serralves que sobe até à copa das árvores

Treetop Walk permite um pequeno passeio elevado, mas permite mais ainda: uma ampla panorâmica sobre a biodiversidade do parque.

fugas,alvaro-siza,serralves,arquitectura,porto,ambiente,
Fotogaleria
Nelson Garrido
fugas,alvaro-siza,serralves,arquitectura,porto,ambiente,
Fotogaleria
Nelson Garrido
fugas,alvaro-siza,serralves,arquitectura,porto,ambiente,
Fotogaleria
Nelson Garrido
fugas,alvaro-siza,serralves,arquitectura,porto,ambiente,
Fotogaleria
Nelson Garrido
Fotogaleria
Nelson Garrido
Fotogaleria
Nelson Garrido
Fotogaleria
Nelson Garrido
Fotogaleria
Nelson Garrido
,?Okina
Fotogaleria
Nelson Garrido
Fotogaleria
Nelson Garrido
Árvore
Fotogaleria
Nelson Garrido
Parque de Serralves
Fotogaleria
Nelson Garrido
Fotogaleria
Nelson Garrido
Fotogaleria
Nelson Garrido
,?Okina
Fotogaleria
Nelson Garrido
Fotogaleria
Nelson Garrido

É um “percurso elevado ao nível da copa das árvores”, resume a Fundação de Serralves, que permite uma nova forma de viver o parque. Concebido pelo arquitecto Carlos Castanheira em colaboração com Siza Vieira, permite até, como garantem, uma “impactante experiência de observação e estudo da fauna e flora de Serralves”.

Com 260m de extensão, entre 1,5m e 15m de altura, o Treetop Walk (inauguração: 14 de Setembro de 2019) está destinado a ser uma das grandes atracções do parque. 

E os objectivos do projecto não se ficam pelo mero desfrutar de um passeio elevado até às copas das árvores: pretende-se que seja mais uma ferramenta do parque para a “sustentabilidade ambiental e protecção da biodiversidade”.

A inauguração do percurso, nascido de uma colaboração com o Fundo Ambiental do Estado Português –  no âmbito de um protocolo de colaboração técnica e financeira assinado em Março –​ e que tem a empresa Ascendi como mecenas, integra as celebrações dos 30 anos da Fundação de Serralves.