Cabazes alimentares para famílias carenciadas vão ser melhorados e incluir novo manual de chef

Os cabazes foram reformulados para se aproximarem mais do gosto dos cerca de 60 mil beneficiários e permitem confeccionar comida rápida, saborosa e muito barata.

Clementine
Foto
Andreia Patriarca

A prova de que é possível confeccionar comida saudável, diversificada, de uma forma simples e com pouco dinheiro está na nova proposta de composição dos cabazes alimentares distribuídos no âmbito do Programa Operacional de Apoio às Pessoas Mais Carenciadas que nesta sexta-feira vai ser divulgada pela Direcção-Geral da Saúde (DGS).