Tênis
Rui Gaudêncio
Entrevista

João Domingues: “Um jogador de ténis no nível challenger não consegue viver só disso”

Chegou este ano, pela primeira vez na sua curta carreira de tenista profissional, aos quartos-de-final de um torneio ATP. No Estoril Open mostrou a sua qualidade e acredita que pode entrar no grupo dos 100 melhores tenistas mundiais.

Aos 25 anos, João Domingues é um dos mais promissores jovens tenistas portugueses a competir ao mais alto nível. Natural de Oliveira de Azeméis, chegou a estudar arquitectura na Universidade do Porto, mas acabou por se dedicar inteiramente ao ténis, tornando-se profissional há cinco anos. Ocupa, actualmente, a posição 185 do mundo, próximo daquela que foi a sua melhor classificação do ranking mundial (160.º) até ao momento. Há poucos meses conquistou o seu segundo torneio da categoria challenger, em Braga, embora confesse que não são os títulos que o movem. Os baixos prémios monetários atribuídos aos jogadores nos torneios desta categoria são uma das suas maiores queixas.