Prophets of Rage, das cinzas dos Rage Against the Machine a levantar pó em Vilar de Mouros

Fischer-Z
Fotogaleria
Fischer-Z

Das cinzas dos Rage Against the Machine nasceram os Prophets of Rage, uma das bandas, a par dos Gogol Bordello, que reuniu consensos na noite de encerramento do EDP Vilar de Mouros 2019. O pó na frente de palco não afastou os fãs mais dedicados da primeira linha de público, este ano em número mais elevado do que em edições anteriores desde que o Woodstock português voltou a entrar no mapa dos festivais de Verão.

Na mesmo dia tocaram ainda os Linda Martini, Fischer-Z, Gang of Four e Jarojupe, os últimos ainda de tarde quando alguns festivaleiros preferiam ficar nas áreas mais próximas do rio para aproveitar a paisagem desta vila do Alto Minho.

Um dia antes, na sexta-feira, tinham já actuado The Offspring, Skunk Anansie, Nitzer Ebb, The Sisters of Mercy e Clan of Xymox.

Jarojupe
Jarojupe
Gang of Four
Gang of Four
Gang of Four
Gang of Four
Linda Martini
Linda Martini
Linda Martini
Linda Martini
Linda Martini
Linda Martini
Gogol Bordello
Gogol Bordello
Gogol Bordello
Gogol Bordello
Prophets of Rage
Prophets of Rage
Prophets of Rage
Prophets of Rage
Gogol Bordello
Gogol Bordello
Prophets of Rage
Prophets of Rage
Sugerir correcção