Na música de Odete há um mundo por vir

Fantasia para reimaginar existências e processar experiências, Amarração é o novo disco de Odete, nome essencial de uma nova geração da música electrónica independente feita a partir de Lisboa. Para ouvir esta sexta-feira no ZigurFest, em Lamego, e em Setembro no festival Ano 0, em Lisboa.

Há terra a gretar e a revolver nestas batidas volumosas e convulsas, entre iridescências electrónicas, apitos que se transformam em vocalizações de pássaros, sons peganhentos que parecem corações a serem esventrados, espadas a afiarem-se umas nas outras. A sobrevoar tudo isto, uma voz de elfa, inatingível e encantatória, como se estivesse a salvo deste cenário de terror e beleza, de desespero e libertação. First, it takes your words é um mundo de fantasia tornado música inclassificável. É a cosmogonia própria de Odete, produtora, DJ e artista multidisciplinar que assim nos levou até ao seu primeiro álbum, Amarração, “uma procura sobre como construir um mundo” para nele se procurar a ela própria.