Mais de 100 pessoas detidas em operações da GNR no fim-de-semana em todo o país

A maioria dos detidos conduzia sob o efeito do álcool.

Portugal
Foto
LUSA/NUNO VEIGA

Mais de 100 pessoas foram detidas em flagrante delito no fim-de-semana, 49 dos quais por condução sob o efeito do álcool, em operações de prevenção e fiscalização realizadas em todo o país, informou esta segunda-feira a GNR.

Em comunicado, a Guarda nacional Republicana (GNR) adiantou que foram detidas durante o fim-de-semana 103 pessoas, das quais 49 por condução sob o efeito do álcool, 23 por condução sem habilitação legal, nove por tráfico de estupefacientes, três por violência doméstica e uma por tentativa de homicídio. Durante as operações, foram apreendidas 12.758 doses de haxixe, 29 doses de cocaína, 18 pastilhas de LSD e dez doses de liamba.

A GNR efectuou também durante o fim-de-semana operações de fiscalização rodoviária, tendo detectado 1269 infracções, das quais 544 foram por excesso de velocidade, 118 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei, 76 por falta de inspecção periódica obrigatória e 58 por anomalias nos sistemas de iluminação e sinalização.

Das mais de mil infracções detectadas, 52 deveram-se a falta ou incorrecta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças, 41 estiveram relacionadas com tacógrafos, 34 por falta de seguro de responsabilidade civil e 18 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução.