Agricultores preocupados com “escalada da crispação” na greve

Produtores em fase de colheita são os que enfrentam maiores riscos caso a greve dos motoristas interrompa o combustível ou transporte de produtos perecíveis.

Foto
A pêra rocha, no Oeste, é um dos produtos em fase de colheita Enric Vives-Rubio

Levar um produto agrícola da terra para a mesa exige gasóleo agrícola para a colheita, gasóleo rodoviário para o transporte e, caso seja um produto tratado em fábrica, precisa de gás natural, fuelóleo ou nafta para as máquinas de processamento. Isto demonstra em poucas palavras como o sector agrícola, que também pode recorrer a combustíveis para a rega, depende do abastecimento energético e, em caso de falha, é toda uma cadeia que é posta em causa.