O próximo luxo sueco: um hotel flutuante com spa

Localizado na Lapónia, o Artic Bath quer ser um “monumento” à floresta. Já aceita reservas para Fevereiro.

Fotogaleria
Imagem do projecto em construção. Este hotel flutua no Verão e congela no Inverno Johan Kauppi
,Hotel
Fotogaleria
Imagem do projecto em construção. O hotel tem um spa, quatro saunas, um banho frio ao ar livre e um banho quente Johan Kauppi
Banho Ártico
Fotogaleria
Imagem do projecto em construção. Quarto de hotel no Verão Johan Kauppi
,Hotel
Fotogaleria
Imagem do projecto em construção. Quarto de hotel no Inverno Johan Kauppi
,Hotel
Fotogaleria
Imagem do projecto em construção. O esboço do exterior do quarto Johan Kauppi
,Hotel
Fotogaleria
Imagem do projecto em construção. Os hóspedes podem saltar entre banhos de água fria e banhos de água quente. Johan Kauppi

O Arctic Bath Hotel and Spa, que está a ser ultimado em Harads, no rio Lule, em plena Lapónia sueca (afamada como a terra do Pai Natal...) é um singular projecto que se distingue por uma evidente particularidade: surge-nos a flutuar nas águas do rio. Pelo menos no Verão, já que no Inverno irá surgir-nos “preso” nas águas geladas. O hotel, que começa a receber clientes em Fevereiro de 2020, assume a sua inspiração nos tempos em que os troncos de árvores eram enviados a flutuarem pelos rios. Prometendo ter um “impacto ambiental reduzido”, apresenta-se como uma espécie de “monumento”, dizem, que lembra a todos a “importância das florestas para o desenvolvimento do país”. 

A experiência do Arctic Bath, projecto da mesma equipa do célebre e marcante Treehotel (um dos mais famosos hotéis com casas nas árvores e que fica nas vizinhanças), quer-se íntima e exclusiva: o hotel só tem 12 cabines (entre quartos duplos ou até cinco pessoas) existindo seis flutuantes e seis em cabanas escondidas na praia. Não faltam os confortos modernos essenciais, sendo que todos os quartos incluem acesso wi-fi, ar condicionado e aquecimento. O hotel flutuante, que apresenta uma estrutura circular e é um projecto dos arquitectos Bertil Harström e Johan Kauppi, tem um spa em localização única, que inclui quatro saunas e banho ao ar livre. 

PÚBLICO -
Foto
O Arctic Bath Hotel and Spa situa-se na Suécia, no rio Lule DR

Os visitantes podem aproveitar ainda para realizar uma panóplia de actividades: caminhadas pela natureza, passeios a cavalo, esqui, passeios de bicicleta na neve, entre outros. São oferecidas igualmente deslocações para outros destinos, tanto de carro como de helicóptero, dependendo do tempo e da estação do ano.

Há também um foco na nutrição, no exercício, na “paz de espírito” e no cuidado do corpo. Uma abordagem que se reflecte através de menus, lanches e smoothies com “ingredientes caseiros”. O exercício é encorajado através de uma variedade de actividades, num ambiente de abstracção. Os hóspedes podem ainda experimentar sessões de ioga e meditação. Com um foco ecológico, o hotel controlará ao máximo a produção de "poluição luminosa”, apostando em materiais orgânicos.

Sob o mote de um luxo minimalista, o Artic Bath também deverá ter preços de luxo, com uma noite para dois (estadia, meia-pensão, spa) a custar desde cerca de mil euros. As reservas já estão abertas no site.