Draghi vai acabar o seu mandato como começou, a descer taxas

A economia da zona euro continua a dar sinais negativos, forçando o BCE a prometer para Setembro uma nova descida de taxas e, talvez, um regresso à compra de dívida.

Mario Draghi promete agir para estimular a economia da zona euro
Foto
Mario Draghi promete agir para estimular a economia da zona euro LUSA/RONALD WITTEK

Há menos de um ano, os mercados apostavam que Mario Draghi se iria despedir do Banco Central Europeu com uma subida de taxas de juro, dando prova que, não só tinha salvo o euro, como tinha conseguido também começado a trazer a política monetária de volta à normalidade. Mas depois desta quinta-feira, esse cenário ficou definitivamente descartado. Pelo contrário, aquilo que presidente do BCE irá fazer até ao final do seu mandato em Outubro é, assumiu o próprio, descer ainda mais as taxas e, talvez, relançar o programa de compra de dívida pública que tinha interrompido no início deste ano. O regresso à normalidade terá de esperar.