Sweatshirt da princesa Diana leiloada por 47.500 euros

Consta que a princesa usava a peça muitas vezes com o objectivo de desencorajar os papparazzi de a fotografar.

Foto
REUTERS

Uma das sweatshirts de ginástica preferidas da princesa de Gales, Diana, foi leiloada online e vendida por 53.532 dólares, o equivalente a 47.500 euros. Trata-se de uma camisola azul-marinho da Virgin com uma pin-up dos anos 1940. Diana ofereceu-a à sua treinadora pessoal alguns meses antes de morrer num acidente de viação em Paris.

A treinadora, Jenni Rivett, guardou-a durante 20 anos e resolveu leiloá-la para ajudar uma família no Malawi, segundo a própria explicou na sua conta no Facebook. Esta camisola de algodão era frequentemente usada pela princesa quando saía a caminho do ginásio. Consta que a usava para desencorajar os papparazzi de a fotografar, pois assim parecia sempre que faziam a mesma fotografia. A princesa Diana ​“estava cansada da especulação dos media sobre as suas roupas quando havia coisas importantes a acontecer no mundo”, disse Rivett, citada pelo The Post

A camisola fora um presente do fundador do Virgin Group, Richard Branson. Segundo a revista People, no leilão, a oferta final chegou de um coleccionador da Califórnia que prefere manter o anonimato. 

Diana, de 36 anos, o seu namorado, o multimilionário de origem egípcia, Dodi al Fayed, e o motorista Henri Paul morreram a 31 de Agosto de 1997 num acidente de viação quando a viatura em que seguiam se despistou e embateu contra um pilar de cimento dentro do túnel Alma, em Paris. A mãe de Harry e William de Inglaterra é lembrada como a “princesa do povo” pelo seu trabalho a favor de causas sociais como a campanha contra minas terrestres (chegou a visitar a Bósnia pós-guerra civil para chamar a atenção global sobre o problema). Foi também uma das primeiras figuras públicas a apertar a mão de um doente de VIH.