Galp Gás Natural conclui compra da Tagusgás por 32 milhões

Empresa fica com 99,36% da Tagusgás, que opera “a concessão para distribuição de gás natural nos distritos de Santarém e Portalegre”

Foto
SR Sandra Ribeiro

A Galp Gás Natural Distribuição anunciou hoje que tinha concluído a aquisição de 58,03% da Tagusgás por cerca de 32 milhões de euros, passando a deter 99,36% do capital da companhia, segundo um comunicado.

A nota, enviada à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), recorda que a transacção foi comunicada em 26 de Abril e que a vendedora foi a Gásriba.

“A transacção foi autorizada pelo Governo português, como concedente ao abrigo do contrato de concessão celebrado em 2008, após parecer favorável da Autoridade da Concorrência e da ERSE - Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos”, lê-se no documento.

Após a conclusão da aquisição, a Galp Gás Natural Distribuição “detém 99,36% do capital social da Tagusgás, que opera essencialmente a concessão para distribuição de gás natural nos distritos de Santarém e Portalegre”, com um RAB (base de activos regulados) de cerca de 82 milhões de euros e cerca de 122 milhões de metros cúbicos de gás natural distribuídos por ano, de acordo com o mesmo comunicado.

A Galp detalhou ainda que “é a principal distribuidora de gás natural em Portugal”, com um RAB de cerca de mil milhões de euros e cerca de 1.450 milhões de metros cúbicos de gás natural “distribuídos anualmente através do controlo de oito das onze empresas de distribuição de gás natural em Portugal”.

A operação contou com a assessoria do Millennium Investment Banking, revelou o grupo.