Crítica

História de uma equipa de basquetebol especial

Campeões é uma comédia branda assente em factos reais: a história de um treinador de basquetebol caído em desgraça que vai trabalhar para uma equipa amadora composta por homens portadores de handicap intelectual.

Um projecto “humanista”, e virtuoso, que o filme leva a cabo com eficácia “industrial” mas de forma bastante sensaborona
Foto
Um projecto “humanista”, e virtuoso, que o filme leva a cabo com eficácia “industrial” mas de forma bastante sensaborona

Grande sucesso do cinema espanhol do ano transacto (mais de três milhões de espectadores), Campeões é uma comédia branda e bem intencionada (embora com alguma malícia), assente em factos reais. É a história de um treinador de basquetebol caído em desgraça (despedido do clube onde era adjunto, e condenado a trabalho comunitário depois de ser apanhado a conduzir com excesso de álcool no sangue) que vai trabalhar para uma equipa amadora composta por homens portadores de handicap intelectual.