Fundação Champalimaud alvo de ataque informático “sem precedentes”

Não houve violação de dados pessoais dos doentes. O ataque informático impossibilitou o normal funcionamento dos sistemas durante 44 horas.

A Fundação Champalimaud faz essencialmente investigação científica e médica
Foto
A Fundação Champalimaud faz essencialmente investigação científica e médica daniel rocha

A Fundação Champalimaud foi alvo de um ataque informático “sem precedentes” que impossibilitou o normal funcionamento dos sistemas durante 44 horas. Não houve “violação dos dados pessoais dos doentes”, assegura a instituição.

“Neste momento a situação encontra-se totalmente ultrapassada” e “o funcionamento da instituição está praticamente na sua plenitude”, assegura a fundação portuguesa num comunicado divulgado na noite desta quarta-feira.

A fundação acrescenta que “os mecanismos de mitigação e protecção existentes para situações como a detectada permitiram evitar qualquer violação dos dados pessoais dos doentes”.

O ataque informático foi resolvido com o apoio da Altice Portugal e as autoridades judiciárias já foram notificadas da ocorrência.

A Fundação Champalimaud, uma fundação privada de interesse público, faz sobretudo investigação científica e médica, mas presta também cuidados de saúde e tem um regime de convenção com a ADSE.

Sugerir correcção