Saúde

Ausências por greve na saúde: Costa mais castigado que Passos em ano de eleições

Até Maio deste ano as ausências ao trabalho por greve ascenderam ao equivalente a 72 mil dias de trabalho perdidos. No mesmo período de 2015, na altura com Pedro Passos Coelho à frente do governo, esta contabilidade estava em pouco mais de 38 mil dias.