Caixa “empurra” reformados para produtos com maior risco e comissões

Banco público deixar de pagar juros nos pequenos depósitos. Deco critica “agressividade” comercial e fala de uma decisão “imoral” e “desincentivadora da poupança”.

Caixa Geral de Depósitos
Foto
LUSA/MIGUEL PEREIRA DA SILVA

Uma parte dos clientes da Caixa Geral de Depósitos (CGD), em número que a instituição não revela, vai sofrer uma corte drástico nos juros das contas de depósito a prazo. E não haverá qualquer pagamento de juros sempre que o valor ilíquido for inferior a um euro, medida que se aplica a todos os depositantes em que essa situação se verificar.