Educação secundária
rui gaudêncio

Nas últimas décadas, o ensino da Matemática mudou. E isso vê-se nos resultados dos alunos

Olhámos para as notas dos estudantes desde que existem exames do secundário. O desempenho ainda preocupa. Mas ex-ministros da Educação e professores concordam que houve melhorias. Há, contudo, divergências quanto às razões que conduziram a esse progresso e muitas dúvidas sobre o que está para vir.

Até 2007, as médias nos exames de Matemática A realizados pelos alunos internos (aqueles que vão às aulas durante todo o ano) na 1.ª fase das provas nacionais nunca tinham sido positivas. Foi preciso passar uma década desde a implementação destas provas, em 1996, para que se conseguisse alcançar uma classificação superior a 9,5 valores numa escala que vai até 20 valores. Desde então, só em 2014 é que se registou uma média negativa (9,2 valores). A julgar por esta evolução, pode dizer-se que os alunos estão melhor a Matemática.