Baleia morta deu à costa em praia de Espinho

A baleia adulta tem cerca de cinco metros de comprimento. O animal esteve à deriva durante a manhã a milha e meia da costa (cerca de três quilómetros) da Praia dos Pescadores, em Espinho.

Fotogaleria
ANA SOFIA PEREIRA
Fotogaleria
ANA SOFIA PEREIRA
Fotogaleria
ANA SOFIA PEREIRA
Fotogaleria
ANA SOFIA PEREIRA

Uma baleia morta deu à costa junto à Praia dos Pescadores em Espinho. Segundo o Comandante Local do Douro e Leixões, José Cruz Martins, a baleia foi avistada a flutuar no início da manhã desta sexta-feira, altura em que foram chamados para o local os Bombeiros Voluntários de Espinho, o Comando Local do Douro e Leixões e a Polícia Marítima.

Até meio da manhã, o animal estava à deriva a uma milha e meia da costa (cerca de três quilómetros) e ainda não era possível perceber se a corrente a iria arrastar para o areal. No entanto, segundo fonte local contactada pelo PÚBLICO, a baleia acabou por ser arrastada para a zona balnear. A remoção do cadáver está a ser acompanhada pelos bombeiros de Espinho.

A baleia adulta tem cerca de cinco metros de comprimento e deu à costa numa praia mais frequentada por pescadores. Segundo o comandante, ainda não é possível precisar há quantos dias o animal estará morto ou o seu estado de decomposição.

“Neste casos, que são relativamente frequentes em toda a costa e nos arquipélagos, irá acontecer uma de duas coisas: ou a baleia acabará por se afundar e servirá de alimento a outras espécies, que é o destino normal nestas situações, ou virá parar a terra e nesses casos serão activados os meios necessários para a remover do sítio onde ela for ter, mas tudo depende das correntes”, explica José Cruz Martins.

Ainda não é conhecida a espécie da baleia ou a causa de morte do animal, mas a capitania garante que está a acompanhar a situação através da Polícia Marítima.