Reportagem

Nos Olivais, a EMEL tornou-se um debate sobre a Constituição

O estacionamento na Encarnação começou a ser pago nas últimas semanas, o que tem gerado revolta entre a população. Já houve parquímetros vandalizados, protestos na junta e na câmara. A assembleia municipal decidiu voltar a debruçar-se sobre o tema.

,Carro
Foto
Nuno Ferreira Santos

Por estes dias, um passeio a pé pelas ruas da Encarnação revela um cenário de contrastes. A meio da tarde, neste bairro de casas baixas há artérias praticamente despidas de carros, enquanto noutras surge a criatividade com contornos ilegais. Onde cabem, ao longo do passeio, estacionam-se os carros e lá vão ficando.