Torne-se perito

Sete detidos por crime de lenocínio em Setúbal

Suspeitos obtinham dinheiro num estabelecimento de diversão nocturna através de prostituição. Dois dos detidos aguardam recurso do Tribunal da relação pela prática do mesmo crime.

Foto
Foram ainda identificadas sete mulheres, entre os 24 e os 50 anos, por suspeitas do envolvimento na prática do mesmo crime margarida bastos (arquivo)

A GNR de Setúbal deteve esta terça-feira sete pessoas, com idades entre os 38 e os 66 anos, pelo crime de lenocínio, na Quinta do Conde.

A investigação a cargo do Núcleo de Investigação Criminal de Setúbal levou ao término da actividade de um grupo organizado “dedicado a fomentar e facilitar o exercício da prostituição num estabelecimento de diversão nocturna, em que os dois principais suspeitos ainda se encontram a aguardar recurso do Tribunal da Relação pela prática do mesmo crime”, lê-se no comunicado enviado às redacções.

Os militares da GNR executaram sete mandados de detenção e dez mandados de buscas que resultaram na apreensão de diversos artigos de cariz sexual e de mais de três mil preservativos, três viaturas, quatro mil euros em numerário e diverso equipamento electrónico.

Foram ainda identificadas sete mulheres, entre os 24 e os 50 anos, por suspeitas do envolvimento na prática do mesmo crime. Os suspeitos foram esta quinta-feira presentes a primeiro interrogatório judicial, no Tribunal de Setúbal.

Sugerir correcção