Liga de Clubes anuncia fim dos jogos de futebol à segunda-feira

Organismo alertou que os jogos não podem ser todos à mesma hora. Haverá jogos às 12h45 e a pausa de inverno vai mesmo acontecer.

,LigaPro
Foto
O Famalicão foi um dos clubes elogiados pela Liga devido à enorme adesão dos seus adeptos ao estádio Futebol Clube Famalicão / Facebook

A partir da próxima temporada, 2019/2020, vão acabar as partidas de futebol à segunda-feira. O primeiro dia útil da semana ficará reservado apenas, e se necessário, aos emblemas que disputam competições europeias na semana anterior. A decisão foi anunciada esta segunda-feira pela directora executiva da Liga de Clubes, Sónia Carneiro, na conferência Bola Branca, organizada pela Rádio Renascença.

Sónia Carneiro admitiu que “a perspectiva de limitar os horários” esteve sempre em aberto. “Os jogos à segunda-feira só vão acontecer por necessidade. Não podemos exigir que uma equipa jogue na quinta-feira e depois novamente no sábado. Esse horário ficará em aberto para quem joga na semana anterior, a meio da semana”, explica.

Benfica, FC Porto (Liga dos Campeões), Sporting, Sp. Braga e V. Guimarães (Liga Europa) serão os clubes que irão disputar as competições europeias na próxima temporada.

A directora executiva da Liga de Clubes, que assegura a realização da Primeira e Segundas ligas e a Taça da Liga, garantiu que, regra geral, a competição só se irá disputar com “jogos de sexta-feira a domingo”, mas deixou um aviso aos adeptos: “Se seria melhor jogar todos ao domingo às 15h00, como antigamente? Perderíamos o futebol indústria, moderno, não dá para ter marcas a investir, e depois ter futebol só no estádio.”

Sónia Carneiro anunciou também que foi criado “um novo horário” para as partidas: 12h45. “As equipas vão poder jogar também à hora de almoço. Mantêm-se os horários do ano passado e cria-se aqui um novo, há várias janelas para que as equipas possam jogar. Claro que o horário nobre será o das 20h, mas acho que vai haver algumas surpresas durante a época”, explicou.

Esta decisão da Liga surge depois de ter sido anunciada, em Maio, uma pausa de inverno prevista para a última semana de Dezembro. A dirigente abordou o mesmo assunto nesta conferência e garantiu que a vontade é dos “dirigentes desportivos”, mesmo que “nos outros países [como em Inglaterra] as famílias vão ao futebol, por estarem em férias de Natal”.

O calendário de futebol profissional (tanto os dias, como as horas do apito inicial) foi discutido em Janeiro, na sede da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), com todos os treinadores da Primeira Liga. Os técnicos consideraram que seria benéfico acontecerem mais jogos nos primeiros meses da temporada, mas também lamentaram a queda do tempo útil de jogo em campo.