Ordem dos Notários anuncia abertura de 89 cartórios notariais em todo o país

De acordo com a ordem, ainda este ano, os notários vão apresentar uma plataforma informática capaz de “desmaterializar inúmeros processos e de tratar online a maioria dos processos”.

Foto
ho helder olino

A Ordem dos Notários anunciou esta quinta-feira a atribuição de mais 89 licenças para cartórios notariais em todos o país, “sobretudo no interior e ilhas”. Segundo o documento publicado em Diário da República, os 89 cartórios localizam-se em zonas menos descentralizas e longe das grandes cidades onde aqueles serviços já existiam.

Em comunicado, a ordem refere que o alargamento da rede notarial dará resposta “aos anseios das comunidades e vem facilitar a vida das pessoas, poupando-lhes tempo e dinheiro em deslocações”.

Para o Bastonário da Ordem dos Notários, Jorge Batista da Silva com “este reforço significativo da rede nacional de notários estão criadas as condições para poder usar os cartórios como uma rede complementar de serviços que pode ajudar a solucionar a sobrecarga que se vive em outros sistemas”. “Um dos problemas do Instituto de Registos e Notariado é o excesso de competências e serviços e a rede de cartórios pode ajudar a minorar as filas que infelizmente se registam em alguns pontos específicos da rede”, sublinha o bastonário.

De acordo com a ordem, ainda este ano, os notários vão apresentar uma plataforma informática capaz de “desmaterializar inúmeros processos e de tratar online a maioria dos processos”, sendo que uma das grandes vantagens deste sistema será o facto de vir a incluir toda a informação da rede de cartórios. “Vai comunicar com todas as plataformas da justiça o que abre a possibilidade de tratar de muitos processos apenas digitalmente, com muito maior rapidez, muito menos custos e muito menos deslocações entre serviços”, lê-se no comunicado da entidade.