Na serra da Estrela, o fim-de-semana é para celebrar os vinhos de altitude

Terceira edição da Vinal decorre de sexta a domingo com provas, conferências e degustação de produtos regionais.

,Copo de vinho
Fotogaleria
DR
Licor
Fotogaleria
DR

Provas de vinhos, sessões de cozinha ao vivo, conferências, uma festa ao pôr-do-sol, degustação de produtos regionais: assim se fará a terceira edição da Vinal – Vinhas de Altitude, que decorre este fim-de-semana em Gouveia e Vila Nova de Tazem.

A festa do vinho que se produz na sub-região da serra da Estrela arranca esta sexta-feira, nos Paços do Concelho, em Gouveia, o município que organiza o evento, com a conferência “Vinho, turismo e montanha: sustentabilidade e futuro” (15h30). Está igualmente agendada uma masterclass de Raúl Pérez, “um dos mais conceituados enólogos do mundo”, sublinha um comunicado da organização, sobre “Areia, argila e ardósia”.

PÚBLICO -
Foto
Raúl Pérez DR

Às 18h, Pérez e o produtor de vinho Dirk Niepoort protagonizarão a conferência “Os enfants terribles dos vinhos ibéricos”, durante a qual “reflectirão acerca das realidades portuguesa e espanhola, da partilha de castas emblemáticas do Dão e de Bierzo, como a Jaen/Mencía, do potencial de vinhas velhas, da recuperação de práticas ancestrais, da procura por vinhos mais finos e frescos, das vantagens e desafios da viticultura de montanha”. Segue-se uma sunset party, marcada para as 19h.

No sábado e domingo, a Vinal muda-se para a Adega Cooperativa de Vila Nova de Tazem, onde decorrerão provas comentadas por Paulo Nunes (enólogo da Casa da Passarella), Pedro Pereira (enólogo da Adega de Vila Nova de Tazem) e José João Santos (crítico de vinhos e director de conteúdos da Essência do Vinho); conversas sobre vinhos; e sessões de cozinha ao vivo com Ivo Loureiro, do restaurante Azeite&Alho, e Valdir Lubave, da Pousada Convento de Belmonte.

PÚBLICO -
Foto
DR

A entrada é livre, embora o copo de provas tenha um custo de 2,50€. Na sexta-feira, a Vinal decorre das 15h30 às 20h30; no sábado e domingo, do meio-dia à meia-noite.