Rentabilidade dos negócios da Sonae aumenta 33,4% no arranque do ano

Volume de negócios do grupo subiu 8,9% no primeiro trimestre, com forte contributo da área da distribuição e dos centros comerciais.

Cláudia Azevedo, a nova CEO da Sonae, cargo anteriormente repartindo por Paulo Azevedo e Ângelo Paupério
Foto
Cláudia Azevedo, a nova CEO da Sonae, cargo anteriormente repartido por Paulo Azevedo e Ângelo Paupério Nelson Garrido

Mesmo com o calendário da Páscoa a “fintar” as contas do primeiro trimestre, os primeiros resultados apresentados pela nova presidente executiva da Sonae, Cláudia Azevedo, mantiveram a trajectória de crescimento dos trimestres anteriores, o que leva a gestora a afirmar que o grupo “teve um bom início de ano”. O volume de negócios consolidado aumentou 8,9% em termos homólogos, atingindo 1461 milhões de euros, “com contributos positivos de praticamente todos os negócios, em particular da Sonae MC e da Sonae Sierra, cujos resultados são agora consolidados integralmente nas contas da Sonae”.