Crítica

O gospel Segundo Kevin Morby

Oh My God tem olhos nos céus, é guiado por piano e coros celestiais e deixa-nos como crente cépticos.

,Música
Foto
A música de Kevin Morby mudou novamente de cenário. Agora, ei-lo a encenar um quase gospel Barrett Emke

Kevin Morby é um cantautor de linguajar eléctrico, um ex-baixista dos Woods que, a solo, se revelou clássico instantâneo, amalgamando Dylans e Reeds e Jonathan Richmans enquanto, marca autoral, lançava um olhar sobre as suas redondezas. Foi ele que, com Singing Saw e City Music, reservou lugar no panteão de apreços melómanos da actualidade, foi ele que sentiu o mundo desabar sobre si há três anos quando, depois de uma digressão, regressou a Los Angeles.