“Tempo da justiça fechada em si mesma acabou”, avisa presidente do Supremo

Conotado com tendências conservadoras, novo “vice” do Conselho Superior da Magistratura quer mais recato no que respeita aos processos disciplinares levantados aos juízes.

Príncipe Julio César
Foto
Nuno Ferreira Santos

Foi um aviso à navegação o recado que o presidente do Supremo Tribunal de Justiça, Joaquim Piçarra, deixou esta terça-feira ao seu “vice” no Conselho Superior da Magistratura: “O tempo da justiça fechada em si mesma acabou.”