Pobreza

Ainda há 600 mil portugueses em privação severa, mas número nunca foi tão baixo

Cerca de 6% da população não tinha, em 2017, condições para responder a necessidades económicas básicas ou para aceder a determinados bens. Durante a crise, era o dobro.