Por razões de saúde, Anna Karina não estará no IndieLisboa

Actriz dinamarquesa que foi o principal rosto da nouvelle vague e do cinema de Jean-Luc Godard cancelou a sua presença “por indicação médica”. Mas o ciclo da Cinemateca mantém-se.

,Filme
Foto
Anna Karina em O Soldado das Sombras DR

Inesperados problemas de saúde impediram a actriz dinamarquesa Anna Karina de se deslocar a Lisboa, para acompanhar o início do ciclo que lhe está a ser dedicado pela Cinemateca Portuguesa no âmbito do IndieLisboa.

Em comunicado divulgado esta sexta-feira, a direcção do festival explica que “o cancelamento da presença da actriz dá-se por indicação médica, [e por] inesperadas razões de saúde que, à última da hora, a proíbem de viajar”. Mas avança que a ausência de Anna Karina não vai afectar a normal apresentação dos filmes programados no ciclo que está a passar exclusivamente na Cinemateca, desde esta quinta-feira e até 17 de Maio. Canceladas ficam as apresentações que a actriz que foi o rosto feminino da nouvelle vague nos filmes de Jean-Luc Godard iria fazer de algumas dessas obras, assim como o encontro com o público que estava agendado para a próxima quarta-feira, dia 8, na Sala M. Félix Ribeiro, antecedendo a exibição de A Religiosa, de Jacques Rivette.

Esta sexta-feira, os espectadores interessados poderão ver três dos filmes do ciclo: O Soldado das Sombras (15h30) e Uma Mulher É Uma Mulher (21h30), ambos de Godard, e também Anna, uma produção televisiva assinada por Pierre Koralnik (18h30).