Derrota de João Domingues deixa quadro de pares sem portugueses

Marcus Daniell e Wesley Koolhof impuseram-se em três sets.

,tênis
Foto
LUSA/JOSÉ SENA GOULÃO

A dupla constituída pelo português João Domingues e pelo espanhol Pedro Martinez foi eliminada do Estoril Open em ténis, ao perder com o neozelandês Marcus Daniell e o holandês Wesley Koolhof.

O par ibérico caiu ao fim de 1h15m de encontro no “court” Cascais, sendo derrotado pelos parciais de 6-2, 3-6 e 10-6. O desaire do tenista natural de Oliveira de Azeméis soma-se à eliminação de João Sousa e Leonardo Mayer, derrotados no encontro anterior pelos britânicos Luke Bambridge e Jonny O"Mara (6-2, 6-1), pelo que o quadro de pares ficou sem portugueses.

Este foi já o segundo encontro do dia de João Domingues, 214.º do “ranking” ATP, depois de ter inaugurado a jornada com uma vitória na segunda ronda do quadro de singulares sobre o australiano John Millman (6-3, 2-1), na qual beneficiou da desistência do adversário devido a lesão, para assim “carimbar” um apuramento inédito para os quartos-de-final do torneio.

“Estava mais vento do que no jogo de singulares, mas isso não retirou a vontade de não passar em pares. O Pedro é um grande jogador e amigo meu no circuito, mas fica para a próxima”, reagiu João Domingues após os dois jogos efectuados esta quarta-feira, no Clube de Ténis no Estoril.