“Dani” e Leonor Medeiros campeões nacionais amadores

Sucederam a Pedro Lencart e Leonor Bessa na lista dos vencedores

Leonor Medeiros e Daniel Rodrigues receberam os troféus das mãos do presidente da FPG, Miguel Franco de Sousa © Filipe Guerra/GolfTattoo/FPG
Foto
Leonor Medeiros e Daniel Rodrigues receberam os troféus das mãos do presidente da FPG, Miguel Franco de Sousa © Filipe Guerra/GolfTattoo/FPG

Daniel Rodrigues e Leonor Medeiros venceram hoje o Campeonato Nacional Absoluto – Audi, que decorreu entre quinta-feira e domingo no Montado Hotel & Golf Resort, Palmela. 

Na prova masculina, foi sem surpresa que “Dani”, de 16 anos, sucedeu ao seu companheiro de clube Pedro Lencart na lista dos vencedores, no mesmo campo onde em Fevereiro se tornou, com 16 anos, no mais jovem campeão português do Internacional Amador de Portugal. 

“Dani”, campeão nacional sub-16 em 2018, era o grande favorito inicial e, partindo para a última volta já com 14 pancadas de vantagem sobre os vice-líderes Pedro Silva e João Maria Pontes, também de Miramar, finalizou com o seu quarto resultado consecutivo abaixo do Par, de 71 (-1). 

Com um total de 277 (70-67-69-71), 11 abaixo do Par, deixou o seu mais próximo concorrente, Pedro Silva, autor da melhor volta a fechar (69) e novo vice-campeão nacional, a 12 pancadas de distância. 

João Maria Pontes e Pedro Neves, com ‘scores’ respetivos de 75 e 70 a fechar, partilharam o terceiro lugar com 295 (+7) oferecendo a Miramar o pleno no top-4 classificativo. Gonçalo Costa, do CG Belas, completou o top-5 com 297 (+9). 

“Só posso fazer um balanço positivo, depois de quatro dias sempre na frente e a ter o único resultado abaixo do Par no agregado. Só posso tirar boas conclusões, até porque acabo por ganhar este ano as minhas duas provas mais importantes até agora – o Internacional e o Absoluto –, quando ainda falta muito para o fim da época,”, afirmou “Dani”. 

“Dani”, que é já o melhor português no ranking mundial amador (128.º), está a ter um ano dominador. Em seis torneios do calendário federativo em 2019, “Dani” venceu cinco e foi 2.º no outro. 

Leonor Medeiros vence duelo com Sofia Sá 

Na prova feminina, Leonor Medeiros iniciou a última volta no segundo lugar, a três pancadas da sua companheira de clube e líder Sofia Sá, mas operou a reviravolta ao terminar com o resultado final de 70 pancadas (-2), contra o 75 (+3) da sua rival na prova no Montado Hotel & Golf Resort. Têm ambas apenas 15 anos… 

Jogando juntas na última parelha do dia, as duas protagonizaram um duelo emocionante e de alto nível. Ao fim de 14 buracos, Leonor Medeiros seguia com 1 abaixo do Par na volta (2 birdies e 1 bogey) e Sofia Sá ao nível do Par (1 ‘birdie’, 1 ‘bogey’), mantinha-se na liderança, com duas pancadas de vantagem. 

Leonor Medeiros operou a reviravolta no 15, quando fez ‘birdie’ face ao duplo ‘bogey’ de Sofia Sá. Um ‘swing’ de três pancadas num só buraco, favorável à primeira, e reforçado com novo ‘birdie’ da nova líder no 16. Ambas fizeram par-bogey nos 17 e 18, pelo que Leonor Medeiros totalizou 287 (75-70-71-70) deixando Sofia Sá (289, 72-73-69-75), vice-campeã nacional, a duas pancadas de distância. 

“Sinto-me muito contente, era um grande objetivo que eu tinha e que cumpri, depois de uma última volta em que viémos sempre taco a taco e em que estive quase sempre atrás”, disse a nova campeã nacional, que sucede na lista das vencedoras a Leonor Bessa (campeã em 2017 e 2018). 

Rita Costa Marques, do CG Miramar, foi terceira com 299 (81-73-72-73)

 

Manuel Quinta, vice-presidente da FPG, entregou a Pedro Freitas (Miramar) e Teresa Alves (Oporto) os troféus de campeões nacionais de 2.ªs categorias, competição que decorreu em paralelo com o Campeonato Nacional Absoluto - Audi, para jogadores com handicaps entre 4,5 e 11,4.

Veja mais em www.golftattoo.com