FCT alarga prazo da candidatura a bolsas de doutoramento devido a inacessibilidade do portal

O prazo de submissão de candidaturas será alargado 24 horas.

Foto
Axel Schmidt/Reuters

No dia em que termina o prazo para submissão das candidaturas de bolsas de doutoramento, o portal da Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT) tem estado inacessível desde as 11h30, segundo o que o PÚBLICO apurou. Devido a esta situação, a FCT alargou 24 horas o prazo da submissão das candidaturas ao Concurso para a Atribuição de Bolsas de Doutoramento 2019. A data limite passa a ser até às 17h de sexta-feira (29 de Março).

Um dos afectados por esta situação foi um aluno de Pedro Fevereiro, biólogo e professor no Instituto de Tecnologia Química e Biológica António Xavier, da Universidade Nova de Lisboa. O biólogo contou ao PÚBLICO que este aluno tem tentado submeter a sua candidatura desde manhã, mas que ainda não conseguiu fazê-lo.

“Como sou co-responsável [pelo aluno], também ainda não me consegui associar [à sua candidatura]”, afirma o biólogo, acrescentando que o mesmo está a acontecer a outras pessoas. Pedro Fevereiro salienta que não é a primeira vez que esta situação acontece durante concursos públicos da FCT. O investigador indica ainda que já enviou vários e-mails à FCT, mas que ainda não obteve resposta sobre a situação.

“O grande número de acessos à plataforma de submissão de candidaturas às bolsas de doutoramento nas últimas horas está a causar dificuldades na submissão de um número significativo de candidaturas”, indica por e-mail ao PÚBLICO Renata Ramalho, do gabinete de comunicação da FCT. “Para que isto não resulte em prejuízo de nenhum candidato, a FCT decidiu adiar por 24h a data limite de candidatura.”