Mais um recorde para Lewis Hamilton

Piloto britânico conquistou a pole position para o GP da Austrália pela oitava vez, igualando a marca de Senna em Ímola e de Schumacher em Magny-Cours.

Hamilton continua a quebrar barreiras na Fórmula 1
Foto
Hamilton continua a quebrar barreiras na Fórmula 1 LUSA/DIEGO AZUBEL

Lewis Hamilton já tinha muitos recordes na Fórmula 1 e, na qualificação para a primeira corrida de 2019, conseguiu mais um. O piloto britânico da Mercedes conquistou a pole position para o Grande Prémio da Austrália pela oitava vez, igualando o recorde de oito “poles” obtidas por Ayrton Senna no GP de São Marino, no circuito de Ímola, e por Michael Schumacher, no GP de França, em Magny-Cours. O britânico campeão do mundo dominou a qualificação no circuito de Albert Park, em Melbourne, e garantiu a melhor posição na partida para a primeira corrida da época, que se disputa na próxima madrugada.

Hamilton tem sido o rei das “poles” nos últimos anos, sendo o piloto que mais vezes foi o mais rápido em qualificação nas quatro últimas épocas. Com esta, o britânico juntou mais uma pole position à longa lista das que já conquistou em 13 temporadas no “Grande Circo”, liderando de forma destacada esta classificação, com 84 em 230 GP  — conquistou a primeira no Canadá, em 2007.

Já há muito que Hamilton ultrapassou Schumacher (68) e tem uma larga distância em relação a Sebastian Vettel (55), que é, no entanto, detentor de um recorde que nunca será de Hamilton — o alemão da Ferrari é o mais jovem de sempre a conquistar uma pole, com 21 anos e 72 dias. Vettel tem ainda outro recorde, o de maior número de “poles” na mesma época (15 das 19 corridas de 2011).

As qualificações no Albert Park foram, de facto, um início auspicioso para a Mercedes, que colocou o seu outro piloto na primeira fila da grelha, o finlandês Valteri Bottas, enquanto Vettel foi relegado para a segunda linha, ao lado de Max Verstappen (Red Bull), que ainda não alcançou uma pole position apesar de já ter vencido cinco corridas – e é o mais novo a tê-lo conseguido, tendo triunfando em Montmeló, no GP de Espanha de 2016, com apenas 18 anos e 228 dias.