Nova galeria Cisterna abre com Ana Jacinto Nunes

Inaugura na próxima semana, em Lisboa, uma nova galeria de arte contemporânea.

Foto
'O primeiro jardim' (2018), cerâmica policromada

A inauguração está marcada para 14 de Março, com uma exposição individual de Ana Jacinto Nunes. Falamos da Cisterna, uma nova galeria de arte contemporânea em Lisboa que, como o nome indicia, se situa numa antiga cisterna do século XVII, no número 27 da Rua António Maria Cardoso.

A Cisterna propõe-se desenvolver uma programação que desafia o conceito de galeria tradicional, promovendo o encontro e o diálogo para além das exposições que apresenta. O projecto assenta na transformação da galeria num espaço de acolhimento de diferentes agentes da prática artística contemporânea, nacional e internacional, operando com um conjunto diverso de nomes, entre estabelecidos e emergentes. Nesse sentido haverá um programa de residências artísticas, como forma de dar a conhecer diferentes visões do mundo, através do intercâmbio de um conjunto de artistas com percursos emergentes à escala internacional.

PÚBLICO -
Foto
'Janus', óleo sobre tela

A abertura é marcada pela inauguração da exposição individual de Ana Jacinto Nunes, intitulada Ararat, com curadoria de João Paulo Cotrim (da editora Abysmo) e António Gonçalves. Patente até ao dia 25 de Abril de 2019, esta mostra apresenta uma série de 20 peças especialmente produzidas para esta exposição inaugural, que inclui trabalhos em técnicas e suportes distintos, do desenho à pintura, passando pela gravura e cerâmica.

Com exposições individuais e colectivas entre Alemanha, EUA, Bélgica, Grécia, Canadá, Espanha ou Macau, Ana Jacinto Nunes foi, ao longo dos anos, coleccionando fragmentos de histórias quotidianas, de tempos e espaços por onde passou. São estes enredos sobrepostos ao fascínio pelas civilizações longínquas que ditam e bordam as narrativas presentes no seu trabalho.

Para além da exposição de lançamento, já existem mais três alinhadas para os próximos meses. São elas a de Maria Souto de Moura e Tiago Mourão, de 2 de Maio a 13 de Junho, a de Cecília Corujo, Juliana Julieta e Maia Horta, de 27 de Junho a 15 de Agosto, e a de Zoë Sua Kay, entre 22 de Agosto e 26 de Setembro.