Alimentação

Produtos sem glúten e sem lactose disparam nas vendas. Nutricionistas alertam para riscos

Produtos só devem ser cortados da alimentação quando existe razão clínica, dizem especialistas. Pessoas com intolerância ao glúten representam cerca de 5% da população, diz bastonária da Ordem dos Nutricionistas. Que alerta: há "muita confusão e muito falso conceito".