Justiça

"Lista negra" de Neto de Moura tem 20 nomes

O polémico juiz está a decidir quem, numa lista de 20 pessoas e entidades, irá processar por ofensas à honra pessoal e profissional. Sindicato de juízes diz que houve excesso nas críticas. Teixeira da Mota acha “muito difícil restringir a liberdade de expressão" nestas questões. Ricardo Araújo Pereira diz: “Ele tem o direito de se sentir ofendido, eu tenho o direito de dizer coisas que potencialmente o ofendem."