DR
Foto
DR

Megafone

Ser Voluntário... na Animais de Rua

Queres fazer voluntariado mas não sabes por onde como começar? A rubrica Ser Voluntário dá uma ajuda.

Segundo o Inquérito Piloto ao Trabalho Voluntário, realizado em 2012, cerca de 12% da população residente com 15 ou mais anos tinha feito nesse ano voluntariado ou participado em acções de voluntariado. Um número, contudo, abaixo da média da União Europeia, que se situava nos 24%. Cada vez mais pessoas querem começar a realizar voluntariado regularmente, mas a questão muitas vezes colocada é: Por onde começar? Nós damos uma ajudinha.

Área Geográfica: Porto / Vila Nova de Gaia, Grande Lisboa / Sintra, Faro e S. Miguel
Tema: Animais

O problema da sobrepopulação de animais de rua em Portugal é uma realidade. Paralelamente, o número de famílias dispostas a adoptá-los é muito inferior ao número de animais que precisa de um lar, levando assim a que muitos milhares nasçam e vivam nas ruas sem acesso a alimentação suficiente ou a cuidados de saúde básicos. Muitos acabam por morrer de fome, de doença ou vítimas de maus tratos, condenados a existências curtas e sem qualidade de vida.

A somar a isto, as associações de recolha e abrigo de animais, que têm um papel importante e necessário para solucionar o problema, não têm recursos financeiros e humanos para combater o problema de fundo: as muitas centenas de milhares de cães e gatos que procriam continuamente no domínio público.

Assim, a associação Animais de Rua foi criada para tentar minorar o sofrimento destes animais que não têm um lar e evitar que nasçam outros nestas condições. Desta forma, dirigem os seus esforços e recursos para a promoção do bem-estar dos animais mas também para a defesa da saúde pública, assim como a segurança e conforto das pessoas.

O objectivo desta associação passa por esterilizar estes animais, em parceria com os municípios e clínicas particulares, controlando a população de animais, minorando o seu sofrimento e melhorando a sua qualidade de vida.

Qual o impacto da associação?
Actualmente, a Animais de Rua já ajudou mais de 27 400 animais e conta com cerca de 100 voluntários a nível nacional

Como podes ajudar?
Podes ser voluntário através das seguintes funções:
Captura de gatos silvestres (implica formação prévia);
Boleias dos animais para as clínicas e de volta às colónias;
- Pós-operatório dos animais intervencionados;
Recenseamento de colónias;
Ser Família de Acolhimento Temporário (FAT) de animais que aguardam adopção;
Organização e participação em eventos e campanhas de angariação de donativos;
Acções em escolas no âmbito do programa educativo;
Registo e tratamento de dados;
-Trabalhos de fotografia/vídeo, etc.

Quando precisam de ti?
Têm necessidade regular de voluntários e as tarefas são adaptadas para todo o tipo de disponibilidade.