Os irmãos Dos Santos seguiram as pisadas dos pais na joalharia

Dois irmãos gemólogos criaram a marca de jóias Dos Santos Fine Jewellery, no Porto, e abriram uma segunda loja, na Rua das Flores.

Fotogaleria
Fotogaleria
Fotogaleria

Os irmãos Nuno e Marco dos Santos poderiam ter seguido outro negócio que não o das jóias, como os seus pais. Poderiam, mas não seria a mesma coisa, habituados que estavam aquele mundo de luxo. Só que acrescentaram algo novo: criaram a sua própria marca de joalharia Dos Santos Fine Jewellery, com enfoque nas gemas ou pedras preciosas.

“Nascemos numa família ligada à arte da joalharia e com naturalidade recebemos influências culturais e estéticas dos nossos pais”, conta Marco dos Santos, 43 anos. Desde muito novos que Marco e o irmão Nuno, agora com 38, se habituaram a passar os tempos livres nas lojas de ourivesaria dos pais. Cedo viram e aprenderam sobre “os processos de compra e venda, os métodos de organização interna do negócio e procedimentos para o fabrico de jóias”, elucida Marco dos Santos. Até mesmo nas feiras internacionais que visitavam com os pais.

PÚBLICO -
Foto

“O know-how e a cultura joalheira já nos corria nas veias”, resume. Por isso, continua, “foi com extrema naturalidade que abraçámos esta arte quando chegou o momento de definir o nosso percurso profissional”, conta. Conversa puxa conversa, os dois irmãos concluíram que o caminho era por aí, porque partilhavam “ideias, conceitos, teorias e visões sobre o universo da joalharia”. Tinham os ingredientes essenciais para uma parceria. O despertar para esta área aguçou-lhes a curiosidade em saberem ainda mais sobre jóias e gemas ou pedras preciosas. Licenciaram-se em marketing e fizeram uma formação técnica nas áreas do design de jóias e gemologia. São credenciados pelo Gemological Institute of America, “a maior instituição de formação e investigação em gemologia do mundo”. 

PÚBLICO -
Foto

“Trabalhar entre irmãos, quando circunstâncias destas se reúnem, torna-se um exercício prazeroso, motivador e desafiante”, defende Marco dos Santos que em 2008 desafiou o irmão a juntar, num único espaço, nomes de designers e criadores de jóias de luxo que admiravam. Assim nasceu a loja Elements, na Galeria Península, no Porto. O negócio correu bem e, em 2012, lançaram a sua própria marca de joalharia Dos Santos Fine Jewellery. Com peças próprias inspiradas no “passado estético e técnico da ourivesaria portuguesa”, descreve. “O carácter manual, o cuidado no detalhe e a selecção das melhores gemas são um denominador comum às peças apresentadas”, continua. Têm um gabinete de design que, em conjunto com os dois irmãos, pesquisa, desenvolve e cria as jóias.

As peças variam entre os brincos e anéis feitos de ouro, prata, diamantes ou pérolas; e podem custar entre 490 euros e 35 mil euros. Estão à venda nos três espaços comerciais, dois no Porto e um em Lisboa. A marca apostou na Ásia e já vende para Macau, China, Singapura e Coreia. Agora, os irmãos querem cimentar a presença naqueles países e apostar no Médio Oriente.