Doan Tuan
Foto
Doan Tuan

O betão não deve aparecer onde há campo? Os suíços vão votar

Congelar a área de construção da Suíça vai a referendo na Suíça.

O betão vai ganhando espaço ao verde dos campos na Suíça, mas o aumento das zonas urbanizadas pode acabar se for aprovado em referendo o Zersiedelungsinitiative, que trava a fundo a construção urbana para favorecer "um desenvolvimento sustentável". Os suíços vão às urnas no dia 10 de Fevereiro.

A proposta dos Jovens Verdes é também apoiada por uma associação dos pequenos produtores, várias organizações ambientalistas e pela Juventude Socialista da Suíça. Mas o Governo está contra uma ideia que classifica como "radical" e "injusta".

Na prática, o que se propõe é que se congele a área de construção da Suíça. Ou seja: só se pode construir numa área quando outra é desclassificada. O objectivo dos promotores passa também pela defesa de uma melhor utilização das áreas já urbanizadas.

A última sondagem conhecida mostra que a iniciativa deve ser rejeitada. O estudo de opinião da Tamedia, que contou com quase 12 mil participantes, mostrou que apenas 37% dos suíços estão a favor da limitação da área urbana do país.

A última vez que os suíços foram às urnas para um referendo foi em Novembro do ano passado – chumbaram a criação de um subsídio para os criadores de vacas com cornos. No mesmo dia recusaram que a sua constituição estivesse acima das leis internacionais e aprovaram a utilização de detectives privados pelas seguradoras.

Sugerir correcção