Saúde

Prisões dispensam empresas e contratam directamente 390 profissionais de saúde

Vários enfermeiros não foram pagos, em 2018, por serviços prestados nas prisões após a empresa contratada pela tutela ter “desaparecido”. À Ordem chegaram novas denúncias de condições de trabalho precárias. Ministério avança com contratação directa de 70% dos profissionais.