Obra foi vendida por 1,2 milhões de euros
Foto
Obra foi vendida por 1,2 milhões de euros Reuters

Pintura de Banksy que se autodestruiu vai ser exibida em museu

Girl with Balloon vai estar no Museu Frieder Burda, em Baden Baden, na Alemanha, entre os dias 5 de Fevereiro e 3 de Março.

O Museu de Arte Moderna Frieder Burda, em Baden Baden, na Alemanha, vai acolher a pintura de Banksy que, após ter sido vendida em leilão em Outubro último, se autodestruiu. A exposição, intitulada Love is in the Bin (O amor está no lixo,​ em tradução livre para português), nome dado à obra após o incidente no leilão, estará em exibição entre os dias 5 de Fevereiro e 3 de Março.

Girl with Balloon (2006), uma das obras mais célebres de Banksy, foi leiloada pela Sotheby's em Outubro de 2018. Assim que o som do martelo confirmou a venda da obra por 1,2 milhões de euros, uma destruidora de papel colocada na tela anos antes pelo artista britânico destruiu a pintura. Apesar da surpresa, o comprador ficou com a obra e as opiniões dividem-se: a destruição parcial diminuiu ou aumentou exponencialmente o valor da pintura?

Banksy, cuja identidade ainda não foi descoberta, publicou um vídeo onde mostra a colocação do engenho na tela. “Há alguns anos coloquei uma destruidora de papel numa pintura, para o caso de esta ser leiloada”, pode ler-se​ no vídeo do artista.

Ver esta publicação no Instagram

. "The urge to destroy is also a creative urge" - Picasso

Uma publicação partilhada por Banksy (@banksy) a

Em Dezembro, Banksy voltou a ser alvo de atenção internacional, depois de uma obra que mostrava uma criança a brincar debaixo do que aparentava ser neve. Na parede adjacente, porém, percebe-se que os flocos brancos são, afinal, cinzas, numa crítica à poluição em Port Talbot, no Sul do País de Gales, uma das cidades mais poluídas no Reino Unido.