Facebook Sharalee Howard
Foto
Facebook Sharalee Howard

Esta árvore deixou de dar sombra — e começou a dar livros

Sharalee Howard fez nascer uma biblioteca na árvore morta que tinha no jardim — e transformou-o num cenário mágico. A biblioteca é mais uma das milhares Little Free Library, um projecto internacional de pequenas bibliotecas partilhadas.

Há, no jardim de uma casa em Coeur d'Alene, no estado norte-americano de Idaho, uma construção que parece ter saído de um conto de fadas. Cinco degraus de pedra conduzem a uma árvore que tem porta de entrada e uma lâmpada a anunciar que há vida lá dentro. A porta envidraçada já revela o interior: aos 110 anos, esta árvore transformou-se em biblioteca.

Foi pelas mãos da proprietária da casa, a artista e bibliotecária Sharalee Howard, que o projecto se concretizou: "Tivemos que remover uma árvore enorme que já tinha 110 anos, então decidi transformá-la numa Little Free Library, algo que sempre quis fazer", revela Sharalee na sua página de Facebook.

Assim foram removidas as folhas e os ramos para dar lugar a um telhado que assenta no topo do tronco. Aberta a porta de vidro, há prateleiras de madeira com livros à espera de serem levados e substituídos por outros, num processo comunitário, tal como manda o Little Free Library. E a árvore-biblioteca enverga o selo do projecto internacional, colocado na caixilharia de madeira da porta.

PÚBLICO -
Foto
Facebook Sharalee Howard

"Leva um livro, partilha um livro" é o mote do projecto que pretende incentivar a troca de livros entre vizinhos, um pouco por todo o mundo, e já registou 75 mil bibliotecas espalhadas por 88 países — entre os quais Portugal. São sete as pequenas bibliotecas livres portuguesas registadas: duas em Lisboa, uma no Porto e quatro nos Açores.