Shopping

Shopping de Natal: presentes solidários

Várias marcas aproveitam a altura do Natal, para angariar fundos para diferentes instituições. O Culto sugere alguns presentes solidários que pode encontrar.

Fotogaleria
Veja as sugestões do CUlto na fotogaleria
Fotogaleria
Peluche da Operação Nariz Vermelho (8,99 euros)
Fotogaleria
Agenda solidária do IPO, com histórias criadadas por personalidade como António Barreto, Alice Vieira e Cristina Ferreira, disponível na Fnac e em livroshorizonte.pt (13,90 euros)
Fotogaleria
Meias da Calzedonia (5 euros)
Fotogaleria
Sapatos Freakloset X Wasted Rita (350 euros)
Fotogaleria
Soutiens desportivos da campanha Guerreiras da Dama de Copas (entre os 64 euros e os 69 euros)
Fotogaleria
Jogo "Rir é o Melhor Remédio!", da Science4you (9,99 euros)
Fotogaleria
Caderno Unicef (6,90 euros)
Fotogaleria
Nome da Causa, de Salvador Taborda (10 euros)
Fotogaleria
Desenvolvido em parceria com a Quercus, este kit inclui sementes de 6 espécies autóctones características da floresta nacional, que podes plantar em casa e, depois, transplantares para a floresta (8,99 euros)
Fotogaleria
A Antiga Barbearia do Bairro juntou-se à Liga Portuguesa contra o Cancro. Durante o mês de Dezembro, na compra de qualquer produto da marca, um euro reverte a favor da organização.
Fotogaleria
Conjunto de seis postais da Douglas (1 euro)
Fotogaleria
Bombons Missão Continente (4 euros)
Fotogaleria
Agenda solidária da Ambar com a Cruz Vermelha Portuguesa
Fotogaleria
Os bonecos de pano da Fundação Ronald McDonald são 100% portugueses (20 euros)

Com o Natal ao virar da esquina, continua a corrida pela prenda perfeita para as pessoas mais chegadas. Nem todos os presentes nascem iguais: alguns valem por dois, aproveitando a generosidade das pessoas e ajudando a angariar fundos para as mais diferentes causas.

A marca de sapatos portuguesa Freakloset, por exemplo, criou uma edição limitada (de 50 pares) de sapatos desenhados e customizado pela ilustradora Wasted Rita. O lucro reverte integralmente a favor da UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta.

A Antiga Barbearia do Bairro juntou-se à Liga Portuguesa contra o Cancro, durante o mês de Dezembro, na compra de qualquer produto da marca, um euro reverte a favor da organização.

A Missão Continente [pertence ao mesmo grupo que o PÚBLICO] tem à venda canecas e caixas de bombons, cujas receitas contribuem a favor de diferentes projectos na área responsabilidade social e da alimentação. Também o PÚBLICO tem um Calendário Ilustrado para 2019, criado para apoiar a Associação para a Promoção Cultural da Criança (APCC).

Por seu lado, a Fundação Infantil Ronald McDonald, tem no seu site, uma colecção solidária de bonecos de pano made in Portugal, assim como estojos, lápis e outros objectos cujo o valor da compra reverte para a associação que ajuda famílias de crianças que estão internadas em hospitais e deslocadas. 

Já a Douglas está a vender conjuntos de seis postais (no valor 1 euro), cujas receitas revertem totalmente a favor da Make-A-Wish, uma organização que realiza os desejos de crianças com doenças que colocam a sua vida em risco. A Chicco contribuirá com um euro para a Ajuda de Berço por cada vale de 15% de desconto utilizado nas Lojas Chicco ou na loja online. Para receber o vale, basta registar o seu e-mail no site. Através de um par de meias da Calzedonia, até 25 Dezembro 2018, poderá contribuir para a Liga dos Bombeiros Portugueses.

Neste Natal há mais um presente especial para colocar no sapatinho, a Ambar e a Cruz Vermelha Portuguesa lançam uma agenda solidária com o objetivo de angariar fundos para apoiar a missão da organização. Por cada agenda vendida, um euro reverte para a instituição e poderá ser adquirida na loja. Também a ambarscience e a Quercus lançaram um kit didático e solidário – Amigos da Floresta – que desafia os mais novos na área da educação ambiental. Ao adquirir este kit, o consumidor está a contribuir para a reflorestação do país, e uma parte das receitas reverterá para os programas de educação ambiental da Quercus.

A campanha das Guerreiras da Dama de Copas, lançada durante o mês da luta contra o cancro, está activa até 31 de Dezembro: na compra dos soutiens desportivos criados para esta campanha, a marca doará 10% do seu valor ao Fundo iMM-Laço.

Algumas organizações, como a Unicef e Nariz Vermelho, têm lojas próprias com várias opções de presentes. Também a Fnac se associou à Nariz Vermelha e com o mote “Dá-lhes Sorrisos”, criou uma parceria solidária, que termina a 31 de Dezembro: todos os produtos da Operação Nariz Vermelho estão à venda nas lojas Fnac e o valor destes artigos reverte na totalidade a favor da instituição. 

O Culto juntou algumas sugestões de presentes solidários, na fotogaleria em cima.