Espanha quer fazer Mundial 2030 com Portugal e Marrocos, avança El País

Espanha deve avançar com nova candidatura à FIFA. O país vizinho conta novamente com Portugal e agora Marrocos.

Foto
Pedro Sánchez Andrea Comas

O chefe do Governo espanhol, Pedro Sánchez, terá proposto aos membros do executivo marroquino a organização do Campeonato do Mundo de futebol em 2030 entre os dois países e Portugal, avança o El País.

Espanha já estaria a equacionar a organização de uma competição de futebol internacional, diz o jornal espanhol. Em Setembro, o presidente da federação espanhola de futebol tinha-se reunido com o presidente da FIFA, Gianni Infantino, porque tinha apoio do governo espanhol para organizar o Euro 2028 ou o Mundial 2030.

Portugal e Espanha já se tinham candidatado juntos à organização do Mundial de futebol 2018, que seria atribuído à Rússia.

Marrocos candidatou-se à organização do campeonato do mundo de 2026, que foi atribuído aos Estados Unidos, Canadá e México. Portugal nunca organizou um Mundial de futebol.

Espanha já foi anfitriã de um Campeonato do Mundo em 1982. Os espanhóis argumentam que outros países europeus também já organizaram duas edições de um Mundial: Itália (1934 e 1990), França (1938 e 1998) e Alemanha (1974 e 2006). O próximo, em 2022, será no Qatar.

Segundo o El País, Espanha, Portugal e Marrocos poderão enfrentar uma outra candidatura conjunta, Uruguai, Argentina e Paraguai. Coreia do Sul, em parceria com Coreia do Norte, Japão e China também consultaram a FIFA, bem como Reino Unido e Irlanda. Além disso, Marrocos terá interpelado a entidade para organizar a competição com Argélia e Tunísia.

O Presidente do Governo de Espanha encontrou-se esta segunda-feira com o rei Mohamed VI e o primeiro-ministro de Marrocos Saadedín Al Othmani, na capital Rabat. 

Na quarta-feira, decorre uma cimeira luso-espanhola, em Valladolid, Espanha, com a presença do primeiro-ministro português, António Costa, e de Pedro Sánchez.

No Mundial de 2026 haverá a presença de 48 selecções de futebol, nos Estados Unidos, Canadá e México. Em 2030, a realizar-se em Portugal, Espanha e Marrocos, será o segundo campeonato com 48 equipas e organizado de forma tripartida.

Contactadas pelo PÚBLICO, a Secretaria de Estado da Juventude e do Desporto e a Federação Portuguesa de Futebol não fizeram comentários