Jogar “à Sporting” para contrariar o excelente momento do Arsenal

Tiago Fernandes vai fazer o segundo jogo no comando técnico dos “leões”, o primeiro nas competições europeias, esta noite em Londres. Equipa de Unai Emery soma 14 partidas consecutivas sem perder

Foto
O treino do Sporting no terreno do Arsenal LUSA/FACUNDO ARRIZABALAGA

A história do Sporting contra adversários ingleses nas provas organizadas pela UEFA não é famosa, menos ainda considerando os encontros disputados em solo britânico. Duas vitórias, dois empates e sete derrotas é o registo acumulado pelos “leões”, que no entanto até foram a primeira equipa portuguesa a vencer em Inglaterra: em Outubro de 1981, na segunda ronda da Taça UEFA, o emblema de Alvalade impôs-se no terreno do Southampton (2-4). Dois dos golos “leoninos” nesse triunfo histórico foram marcados por Manuel Fernandes, pai do actual treinador do Sporting – que tinha na altura dois meses de vida.

Enquanto a direcção do Sporting não anuncia oficialmente o nome do novo treinador, Tiago Fernandes vai interinamente comandando a equipa que herdou de José Peseiro. Após a estreia vitoriosa do técnico frente ao Santa Clara, os “leões” defrontam esta noite o Arsenal na quarta jornada do Grupo E da Liga Europa (20h, SIC). E Tiago Fernandes, que vai estrear-se nas competições europeias, garante que a equipa vai a Londres para vencer e honrar o espírito de 1981. “É um jogo de Liga Europa, com grandes jogadores. Sabemos do valor e da qualidade do Arsenal. Mas nós somos o Sporting. Vamos procurar contrariar a qualidade do nosso adversário”, sublinhou na antevisão da partida.

“Amanhã [hoje] o segredo é jogarmos à Sporting, com ambição enorme e grande vontade de ganhar. Do ponto de vista táctico temos de ter em conta aquilo que o adversário faz. Temos de estar preparados. Se errarmos eles vão aproveitar mais vezes, porque têm muita qualidade. Não podemos fazer com que eles possam aproveitar. Em termos tácticos temos de ser muito organizados e coesos, como fomos nos Açores”, acrescentou Tiago Fernandes

PÚBLICO -
Aumentar

Vai ser preciso a melhor versão do Sporting para conquistar pontos em Londres. Os “gunners” estão há 14 jogos sem perder em todas as competições (a última derrota remonta a Agosto) e, a jogar em casa, a equipa comandada por Unai Emery tem um registo quase perfeito: sete triunfos, um empate e uma derrota. As únicas equipas que conseguiram sair do Emirates sem perder foram o Manchester City e o Liverpool. Nada que assuste o técnico “leonino”. “O Arsenal é uma excelente equipa, mas temos uma esperança enorme de fazer pontos amanhã [hoje], é com esse intuito que viemos. Queremos disputar o primeiro lugar do grupo. Vamos entrar a jogar para ganhar, com ambição, garra e atitude”, garantiu.

Numa conferência de imprensa em que foi repetidamente questionado sobre Marcel Keizer, que tem vindo a ser apontando como muito provável sucessor de José Peseiro no comando técnico dos “leões”, Tiago Fernandes reiterou que está disponível para ajudar o Sporting, sem alongar-se. “Tenho tido uma grande ajuda dos nossos jogadores, têm treinado de forma fantástica. Estou à frente de um grupo de jogadores de grande qualidade e profissionalismo. Vou continuar no Sporting e disponível para ajudar naquilo que o clube entender. Quanto ao resto não tenho de comentar, a direcção sabe o que é melhor para o clube”, concluiu.

A indefinição na liderança técnica dos “leões” não passou despercebida em Londres, mas o treinador do Arsenal desvalorizou o tema, realçando a importância da partida para a definição da classificação do Grupo E da Liga Europa. “O Sporting tem muito bons jogadores. Despediram o treinador, mas este é um jogo muito importante para o objectivo de chegar ao primeiro lugar do grupo. Vamos abordar o encontro com imenso respeito pelo adversário”, afirmou o espanhol Unai Emery, que sucedeu a Arsène Wenger no comando dos “gunners”.

Os londrinos vivem um excelente momento e podem selar a passagem aos 16 avos-de-final da Liga Europa com um triunfo esta noite. “Obviamente que o objectivo principal é terminar no primeiro lugar da tabela. Também por isso vai ser um jogo importante, porque podemos garantir a liderança. Vai ser um bom teste para nós, numa competição que consideramos importante, não só por ser um título, mas também por ser uma forma de entrar na Liga dos Campeões da próxima temporada”, assinalou Emery.