Reportagem

Os miúdos que se fartaram de Dilma e nos protestos de 2013 semearam a nova direita brasileira

A vaga conservadora liderada por Bolsonaro tem na sua base uma miríade de grupos surgidos nas acções a favor do impeachment de Dilma. Hoje são militantes empenhados na eleição do ex-capitão, mas prometem vigilância activa assim que este chegar ao poder.