Unsplash
Foto
Unsplash

FCT tem 20 bolsas para estágios em entidades europeias

A Fundação para a Ciência e Tecnologia está a atribuir 20 bolsas de estágio em quatro instituições internacionais. Concursos abertos até 15 de Novembro.

A Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT) está a atribuir bolsas para a realização de estágios em quatro entidades internacionais. A Organização Europeia para a Pesquisa Nuclear (CERN), a Agência Espacial Europeia (ESA), o Observatório Europeu do Sul (ESO) e o Laboratório Europeu de Biologia Molecular (EMBL) são as organizações em causa. 

Os concursos estão abertos até 15 de Novembro. Serão atribuídas 20 bolsas, em diferentes áreas, como a engenharia, as ciências naturais, a informática, a gestão, a tecnologia e inovação, a comunicação e o direito.     

Podem candidatar-se jovens portugueses que tenham concluído a licenciatura ou o mestrado há menos de seis anos e o doutoramento há menos de três. Estão disponíveis oito vagas quer para o CERN quer para a ESA e duas para o ESO e para o EMBL, respectivamente.

As bolsas compreendem um subsídio mensal de 1450 euros para os licenciados, 1710 euros para mestres e 2245 euros para doutores. A este valor acresce um subsídio de instalação no valor de 1000 euros e um subsídio de viagem no valor de 300 euros, se o estágio for na Europa, ou de 600 euros, caso seja fora da Europa.

Em comunicado, a FCT assinala que “este programa de estágios tem como objectivo proporcionar aos candidatos uma oportunidade de realizarem formação avançada em organizações científicas internacionais de referência”. Portugal é membro das quatro organizações internacionais que vão acolher os estágios.