Bolsonaro lidera sondagens para a segunda volta

Candidato de extrema-direita confirma vantagem em dois inquéritos.

Foto
Reuters/REUTERS PHOTOGRAPHERS

As primeiras sondagens conduzidas após a realização da primeira volta das eleições presidenciais brasileiras confirmam o favoritismo de Jair Bolsonaro. O candidato do Partido Social Liberal (PSL) soma 58% das intenções de voto contra as 42% reunidas por Fernando Haddad, do Partido dos Trabalhadores (PT), na pesquisa da Datafolha. A margem de erro é de 2%.

O inquérito revela ainda que a maioria dos eleitores considera indiferentes as indicações de voto dos candidatos derrotados na primeira volta, nomeadamente de Ciro Gomes, Marina Silva e Geraldo Alckmin. O PSDB de Alckmin, recorde-se, declarou-se neutral.

Numa segunda sondagem conduzida pela empresa Ideia Big Data e divulgada pela revista Veja, Bolsonaro soma 54% e Haddad 46%, com uma margem de erro de 2,67%.

Recorde-se que Jair Bolsonaro conquistou quase 47% dos votos na primeira volta, contra os 29% recolhidos por Haddad.